sexta-feira, 14 de junho de 2013

PREFEITURA ANUNCIA NOVO SECRETÁRIO DE SAÚDE

Por Hugo Freitas

A Prefeitura de São Luís anunciou na manhã desta sexta-feira (14) o gestor César Félix Diniz como novo secretário de Saúde do município (Semus), no lugar de Vinícius Nina, que decidiu deixar o cargo.

O titular do blog está apurando os motivos que levaram Nina a não continuar à frente da Semus.

César Diniz é formado em Administração Hospitalar pela Universidade São Camilo e pós-graduado em Administração e Marketing pela Unisant’ana, ambas em São Paulo.

Na ocasião, foi anunciada também a nova equipe que irá compor a pasta da Saúde de São Luís, em reunião com os servidores da Semus.

Além de Félix, assumiram, ainda, Rosemary Fonseca Marinho (secretária adjunta de Administração e Finanças) e Israel Correa Pereira (secretário adjunto de Ações em Saúde).

Em pronunciamento, César Félix ressaltou que sua administração à frente da pasta será de forma transparente e participativa.

A nova equipe da Saúde ludovicense deve avaliar a situação encontrada na pasta e definir, em breve, as diretrizes a serem adotadas para o trabalho.

Abaixo seguem os nomes da nova equipe da Secretaria de Saúde:

Cesar Félix – Secretário de Saúde

Israel Correa Pereira - Secretário Adjunto

Rosemary Fonseca Marinho – Secretária Adjunta

Yona das Neves Costa Magalhães – Superintendente de Informação

Mary Olinda Neves - Superintendente Orçamentária Financeiro

Alexandre Gomes dos Santos – Coord. de Remoção e Atendimento de Urgência e Emergência

Margareth Silva Assunção dos Reis – Coord. Contabilidade do F.M.S

Eline Nunes Barbosa - Coord. Orçamento Financeiro

Leandro Souza de Moraes – Coord. de Farmácia e Bioquímica

Charles Adriano Pereira - Coordenador de Enfermagem

Com informações da Secom da Prefeitura de São Luís

2 comentários:

  1. Gostaria que me informasse como uma pesoa que respondeu a um processo pode assumir cargo onde tudo que será pago passará por suas mão. A atual Secretária Adjunta de Finanças da Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de São Luís (Semus), Rosemary Fonseca Marinho, foi condenada em junho de 2009 por peculato. decisão foi proferida pelo, no dia 9 de junho daquele ano, pelo juiz titular da da 2ª Vara da Justiça Federal no Maranhão. Rosemary foi condenada por apropriar-se, junto com a mãe, Maria Luíza Fonseca de Souza – presidente do Conselho Regional de Enfermagem de 1990 a 1996 de valores correspondentes a contribuições profissionais dos enfermeiros. O crime de peculato prevê pena de dois a 12 anos de prisão e multa. Como as duas eram rés primárias, as penas foram reduzidas à prestação de serviços à comunidade e à prestação pecuniária.
    Mas é claro que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC), irmão de igreja de Rosemary, pode aceitar uma situação desta junto ao seu secretariado quando o Sr. Prefeito Edivaldo Holanda Junior diz que esta administração será de transparência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com a palavra, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

      Excluir

Grato pela participação.